heraldo hb

Animador Cultural, escritor e produtor audiovisual. Atua no cineclube Mate Com Angu (www.matecomangu.org), na Lira de Ouro Ponto de Cultura (www.liradeouro.com.br) e na revista Lurdinha (www.lurdinha.org). É autor de Engenharia de Aviãozinho (2009) e O Cerol Fininho da Baixada (2013). Nas horas vagas tira um som no violão ;)

Posts mais comentados

  1. Tido como desaparecido, filme Quelé do Pajeú, de Anselmo Duarte, está em torrent na rede — 3 comentários
  2. Valeu demais por tudo, mestre Nelson Pereira dos Santos — 2 comentários
  3. O PUS TEM MESMO UM ASPECTO REPUGNANTE — 2 comentários
  4. Uma Lembrança de Batistinha — 2 comentários
  5. Mestra é mestra, né pai? — 2 comentários

Publicações do autor

Cinco anos do lançamento de O Cerol Fininho da Baixada

Há exatos cinco anos, numa noite de muita emoção, rolava na Livraria da Travessa, no Centro Cultural Banco do Brasil – CCBB RJ, o lançamento do meu segundo livro, O Cerol Fininho da Baixada, pela Aeroplano Editora, volume da coleção fundamental Tramas Urbanas. Com a curiosidade que nesse exato lugar eu comecei a trabalhar de carteira assinada, …

Continue lendo

O Brasil deu certo :'(

“O congresso é um sarapatel feito de kiumbas de capitães do mato, capatazes, senhores de engenho, feitores, bandeirantes apresadores de índios e destruidores de quilombos, etnocidas, torturadores, coronéis, pistoleiros, membros do esquadrão da morte, misóginos, homofóbicos, ágrafos, parasitas sociais, fanáticos religiosos e arrivistas inescrupulosos. Repito o que já afirmei algumas vezes. O Brasil foi projetado …

Continue lendo

João Carpalhau… pô, logo tu? :'(

heraldo hb e joão carpalhau

Há horas ainda impactado pela notícia do falecimento do meu querido João Carpalhau. Tristeza profunda… E olha que não completou nem um mês que perdi meu irmão preto amado Marivaldo Sales e vem a vida dando mais essa pernada. Porra… Carpalhau, o John Paul, amigo e cúmplice, muita história, muita doideira, muitos porres e filosofia; muitas …

Continue lendo

De certa forma, tô na Flup, com o Dois Toques

na flip Dois Toques

Sábado tou na nessa Flípe aí, rapáiz. 🙂 Não em corpo presente, mas via Dois Toques, livro que divido honrosamente com o grande Ricardo Rodrigues 

QUE A MINHA LÍNGUA QUEIME NO PRÓXIMO VERÃO

Não vai haver eleição pra presidente, gente. Tem dois anos que venho falando isso em rodas de conversa e às vezes em posts alheios, furtivamente. Mas é exatamente o que acho: NÃO VAI HAVER ELEIÇÃO PRA PRESIDENTE em 2018. Não, não sou especialista no assunto, não tenho informações privilegiadas, não aprofundei minha vida em análises …

Continue lendo

O Amor, de Maiakowski – pra Marielle

cinelandia-por-marielle-16032018_foto-MidiaNinja

Talvez Quem sabe um dia Por uma alameda do zoológico ela também chegará Ela que também amava os animais Entrará sorridente assim como está Na foto sobre a mesa Ela é tão bonita Ela é tão bonita que na certa eles a ressuscitarão O século trinta vencerá O coração destroçado já Pelas mesquinharias Agora vamos …

Continue lendo

Último discurso de Darcy Ribeiro [ Picortando Filmes ]

Último discurso público do professor Darcy Ribeiro, em cerimônia na Universidade de Brasília, em 1995. Trecho do filme Barra 68 – Sem Perder a Ternura (2001), de Vladimir Carvalho.

Lançamento do livro Dois Toques, de Heraldo HB e Ricardo Rodrigues

Lançamento do livro 2 Toques, de Heraldo HB e Ricardo Rodrigues

Taí, né senhores: chegando na área Dois Toques, livro meu e de Ricardo Rodrigues, que será lançado na pŕoxima quinta-feira, dia 18/01, no Bar do Meu Rei, na 25 de Agosto, em Caxias. O livro traz poemas e minicontos e tem apresentação do poeta, jedi oitavo dan lendário saiajin Moduan Matus, com projeto gráfico do …

Continue lendo

Viva Fernando Birri!

Deixou esse plano agora a pouco o mestre Fernando Birri, uma dessas pessoas iluminadas que vieram ao mundo pra fazer a gente melhorar um pouquinho como gente. Confesso que sempre me assusta um pouco quando vejo gente jovem já desencantada com as possibilidades de mudança no mundo, refém dos utilitarismos e pragmatismos da vez, com …

Continue lendo

O Rio de Janeiro continua indo

Dois toques aos mais novinhos que moram/vivem no Estado do Rio de Janeiro. Um dos articuladores do golpe de 2016 atende pelo nome de moreira franco, um desses vermes obsessores da pior espécie, que quando foi governador do Rio teve como sua primeira política DESTRUIR o projeto de Educação integral dos Cieps. Hoje, todo cagado, …

Continue lendo

Enquanto existir isso

São dois jovens sentados, noite chuvosa, meio de semana, dividindo um litrão num trailer numa rodoviária dessas que distribuem a mão de obra que cria a riqueza da Rio de Janeiro. No caso, a rodoviária velha, em Caxias. Reconheço ele e vou saudá-lo, sendo efusivamente recebido. Conheci a pouco tempo, quando o sujeito ganhou, por …

Continue lendo

Mostra Leon Hirszman 80 Anos, no Rio

Leon Hirszman

Vai rolar no Memorial Getúlio Vargas, na Glória, uma mostra em homenagem aos 80 anos do cineasta Leon Hirszman, com direito a exibição de vários filmes com debates – e eu estarei no papo da abertura, dia primeiro de novembro, firmão. 😉 Muito feliz, a propósito; Leon é um dos caras que mais me fez …

Continue lendo

O narcopoder em quatro momentos

O narcopoder em quatro momentos: – “helipóctero” => aquele papo dos 450 kilos de daquela substância, purinha, no helicóptero do senador, usando a pista de vôo do outro senador – “era um sachê de açucar” => sessão/consumação do golpe no senado, senador, um outro, é visto balançando freneticamente seu “saquinho açucar”, doido pra acabar logo …

Continue lendo

Mestra é mestra, né pai?

Essa semana esbarrei com um post no facebook da mestra Dona Raquel Trindade comentando sobre a real ameaça de privatização da Petrobras. Em apenas uma frase, uma pequena sentença, uma história de vida, um posicionamento político bem sólido e uma mensagem de seguir em frente na luta. Aos 92 anos, essa mulher incrível continua espalhando …

Continue lendo

Só um pequeno fato mesmo

É uma quinta-feira de inverno, por volta das dezessete horas, na avenida Governador Leonel de Moura Brizola, nome imponente de uma pessoa que marcou a história do país e cuja lenda foi engrossada justamente nessa região, a Baixada Fluminense. Basta dizer que o partido que o sujeito criou, que o fez ser governador por duas …

Continue lendo